Gotham S02E04 – Strike Force | Review

“Você precisa de um assassino. Aqui é Gotham, pode encontra-los na lista telefônica. Na letra “A”.”

Gotham 204

Ola cidadãos de Gotham, bem vindos a mais uma semana, temos novos ares na cidade e muitas novidades.

Com a morte de Jerome a cidade se recupera da série de atentados causadas pelos Maniacos.O foco agora é a retomada da cidade, sejam os criminosos ou a policia, todos estão voltando ao trilho.

Todo sabemos o quanto Pinguim deu a volta por cima, mas por enquanto, ele voltara a ser capacho, não do tipo que come o alimento pisado pela patroa como era com Fish, mas do tipo que é obrigado a ser mais um peão nos planos de alguém. Adivinha quem?

Se você respondeu Theo Galavan, meus parabéns, você acertou! Nosso projeto de vilão esta arquitetando sua guinada a prefeitura da cidade e resolveu eliminar a concorrência, para não sujar as mãos sequestrou a preciosa mãezinha de Oswald e o obrigou a fazer o serviço sujo. Theo ainda não me convence e não acredito que venha a fazê-lo, esteriótipo de vilão forçado que sobe ao poder em instantes, os discursos parecem feitos por crianças e ainda assim toda a cidade parece acreditar. Eu não.

O DCPG tem um novo chefe, o Capitão Nathaniel Barnes, ele já chegou demitindo policiais corruptos e anunciando que iria limpar a corrupção de dentro pra fora – Dele eu gostei – típico sargento que sabe o que quer e o caminho a trilhar, além de que ele estudou cada um dos policiais, demitiu meia duzia, deixou Gordon como a segunda voz de comando e de brinde ainda lhe deu uma força tarefa. Não uma força tarefa com policiais experientes, seria difícil demais, na verdade, seria impossível uma força tarefa dessa ser montada com os policiais corruptos da delegacia, Gordon mesmo disse, se Nathaniel demitisse mais vinte ainda não estaria nem perto do fundo do poço.

Patrão Bruce parece ter um pouco de problemas para se adaptar ao colégio, mas quem não tem ou teve em algum momento? O garoto estudava em casa, não esta acostumado a valentões da mesma idade. Alfred mostrou suas garras a Selina, que apareceu para bisbilhotar a adaptação de Bruce ao colégio, nosso mordomo ainda bateu na menina e pediu que ela se afastasse do garoto. Um belo soco dado pelo amigo assassinado pela menina na temporada passada. Lembrei da frase “a curiosidade matou o gato” neste momento. Alguém avisa o Alfred que o amigo dele era um babaca?

O mordomo ainda faz Patrão Bruce correr por 10 Km até a mansão- o que não é um treinamento a nível Batman, mas já é um começo – O menino ainda vai a um jantar com Theo para agradece-lo por “salvar sua vida” durante o espetáculo do menino Jerome no ultimo episódio. Theo força o menino sobre o assunto do assassinato de seus pais, porém a atenção de Bruce esta em Silver, uma sobrinha de Theo que brinca no chafariz ao lado de fora do restaurante e ele os apresenta, a garota irá estudar no mesmo colégio que Bruce. Conhecendo a família de Theo eu já adquiri um “pé atrás” com a menina que deixou o garoto com ares de apaixonado.

Um outro ponto interessante no episódio foi Nygma, que após treinar com um esqueleto e ter um empurrãozinho de seu “eu interior” finalmente conseguiu chamar a Srta. Kringle para um jantar, o que já seria um grande avanço por si só, mas Nygma mesmo após criar uma tensão constrangedora com o sumisso de Dougherty, e acabar falando da morte do ex-namorado de sua paixão, assassinato esse cometido em segredo por ele, ainda conseguiu um beijo da moça – parabéns meu caro, saiu da AwkwardZone. Embora eu ainda ache que todo esse interesse repentino dela no Nygma, é na verdade uma investigação própria, afinal a ela o acusou de escrever a carta de Dougherty deixada em sua mesa, contudo ele salvou a vida dela, não custa nada acreditar em boas intenções, seguirei levando a relação em linha tênue.

Ao final do episódio, ainda tivemos Gordon indo questionar Oswald sobre os assassinatos cometidos por ele e quebrando a cara, afinal Pinguim esta com sangue nos olhos desde que sua mãe fora sequestrada, ele não quer saber de sermão, ameaça Gordon com o assassinato cometido por ele quando solicitou a ajuda de Oswald para voltar a polícia.

Vimos que a força tarefa de Gordon tem um potencial já mostrado na apresentação dos quatro integrantes e também na investigação dos assassinatos dos concorrentes de Theo, mas que deve ser ainda mais explorada nos próximos episódios, afinal, sua primeira missão de verdade é acabar com o Pinguim.

O que vocês acharam do novo episódio de Gotham? Acham que a série manteve o bom nível mesmo com a morte de Jerome? Conta pra mim aqui nos comentários.

Até semana que vem, fiquem com a promo do proximo episódio que esta bem legal, confira: 

Por Bruno Maciel

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s